"Haven’t you ever ridden on that street-car?"

Para os ouvidos menos habituados ao português do Brasil, a tradução de "A Steetcar Named Desire" para aquele país - "Um Bonde Chamado Desejo"  - contém uma palavra (bonde) de ressonâncias excessivamente lúdicas para a graça poética que Tennessee Williams imprimiu no título original.  Podemos dizer, contudo,que se salvam  as virtudes metafóricas: é como se o transporte escarnecesse a dignidade apeada pelo caminho. "Um Bonde Chamado Desejo" traduz desejo por afectação com insensível contundência. Para os nossos ouvidos, claro está.
"It brought me here"



<< Home