Vertigo

Fazer a paz - ou  fazer as pazes, como se costuma dizer - é uma forma de revisitar a majestade inicial dos começos (aqui representada por um fotograma de Marty - 1955).


O vício dos inícios implica encenar fins que de instrumentais se transformam no cerne da paixão: a vertigem dos antigos pela morte do sol a cada solstício.



<< Home