Celibato e pedofilia

"Papa reafirma carácter «sagrado» do celibato dos padres"
À falta de outros argumentos para acabar com o absurdo do celibato, o rosário de escândalos de pedofilia deveria ser suficiente para que o Vaticano se decidisse a assinar o decreto. Se é verdade que o celibato está longe de ser causa única na relação entre sacerdócio e pedofilia, custa perceber que tanta sapiência iluminada falhe em perceber esta coisa prosaica: a repressão sexual de adultos investidos de uma especial autoridade moral - reconhecida junto das comunidades de fé - é um perverso "facilitador" do abuso de menores.

Podemos tentar compreender que a igreja queira manter as suas concepções de pureza, que queira consubstanciar a dedicação ao evangelho na capacidade de renúncia. Mas ultrapassa o admissível que o papado finja não perceber que a celebração da "pureza" dos celibatários se tem feito à custa de demasiadas "vítimas civis", que finja não perceber que quando a renúncia encontra os seus limites tende a escapar-lhes sob a forma de perfídia. As vítimas de pedofilia são um recorrente memorando do alto preço a ser pago pelo capricho do celibato.

Publicado também no Arrastão.

Comments:
Acabo por preferir, nesse caso, a opção ortodoxa. Os seus sacerdotes são autorizados a casar (aliás, não podem receber "paróquia" sem estarem casados) enquanto que os seus altos representantes são escolhidos entre os monges, os quais têm que ser celibatários.

Se se optasse pelo equivalente na ICAR, os padres teriam que ser casados enquanto que bispos, arcebispos, cadeais, etc, teriam que ser celibatários. Ou seja, os que se dedicam às pessoas teriam que casados, enquanto que os que se dedicam aos livros não o poderiam ser.

Parece-me um bom compromisso, mas ninguém pergunta a opinião aos ateus.
 
Quantos "celibatários" foram acusados nos Casos Casa Pia?
 
Tratando-se do caso "Casa Pia", quando diz "acusados" não seria de dizer "arguidos"?
 
Mmm pq te manténs celibatário afinal???

jpdias
 
desculpa lá, mas isso é uma treta. há pedófilos casados.

o celibato deve ser uma opção pessoal, claro.
 
A questão principal é o Vaticano deixar q os triubnais civis acedam aos sacerdotes culpados em vez de os mudar de paróquias ou escondê-los no Vaticano onde nenhuma lei lhes chega. Até pq há especialistas q acham q mts vão p certas profissões pq têm essa tendência/doença por crianças e podem facilmente estar perto de crianças, e padre é uma delas. Se fossem julgados e presos em vez de protegidos pelo Vaticano, talvez pensassem 2 vezes! A hipocrisia também é pecado, é altura do Papa não se limitar a pedir perdão às vítimas irlandesas mas sim pôr os culpados acessíveis a seerem julgados!
 
"Até pq há especialistas q acham q mts vão p certas profissões pq têm essa tendência/doença por crianças e podem facilmente estar perto de crianças, e padre é uma delas."
Isto quer dizer que os professores são, na sua maioria, pedófilos? Não me parece que seja essa a questão!
 

Enviar um comentário

Comentários



<< Home