Tudo isto é triste

"Eu era mais jogador em termos de drible quando comecei a carreira do que quando a acabei." João Pinto, Pontapé de Saída
João Pinto, explicando como a adaptação aos ritmos do futebol sénior acaba por truncar as possibilidades criativas dos jogadores em favor dos tempos e dos ritmos competitivos impostos na alta roda do futebol europeu. Escuso de explicar como estas declarações são importantes. Nada disto deve servir de prova atenuante ao homicídio perpetrado por Fergusson ao Anderson que há uns anos chegou ao aeroporto de Manchester. A inviabilidade de Quaresma fora do raio de acção do Porto explica-se muito por aqui.
Imagens de Arquivo, este jogador já não existe:


Comments:

Enviar um comentário

Comentários



<< Home