O efeito Durão Barroso

O PS foi pouco inteligente na escolha do cabeça de lista ao mesmo tempo que ignorou a posição mais inteligente proferida pelo mesmo cabeça de lista (é obra). Refiro-me ao apoio a Durão Barroso. Ao defender a recandidatura de Durão Barroso, cuja imagem de neoliberal, desertor e bushista está bem inculcada no senso comum português, o PS permitiu-se a uma convergência com o PSD num dos poucos temas europeus que vão a votos. Para além do PSD ser o legítimo pai de Durão, face à indistinção de agendas, o partido de oposição é naturalmente beneficiado (replay daqui).

Comments:

Enviar um comentário

Comentários



<< Home