O complexo de Ibra

Há muito de verdade na graça de Mourinho após o jogo com o Palermo: Ibrahimovic tem o defeito de só marcar golos bonitos. Tenho que concordar. Para facturar mais assiduamente Ibra teria que se libertar de certa exigência estética para então cortejar, com outra desfaçatez, ressaltos, remates enrolados, frangos, golos com o rabo. Ibrahimovic padece de estreiteza de imaginação predatória por motivo de um vínculo demasiado apertado com a beleza extrema. Vendo-o jogar percebemos o quanto as suas execuções, ainda que ansiosas por golo, ainda que devotadas à causa comum, procedem limitadas pelos rigores da elegância e por uma débil transigência para com a glória fortuita. Oxalá que não se estrague.



<< Home