Luis Filipe Vieira

"Quem viola leis deve ser punido" (...) O que me surpreende é o descaramento de algumas pessoas mais preocupadas em desfocar a realidade conhecida de todos."
(Luis Filipe Vieira sobre a exclusão do Porto das competições da Uefa). Luis Filipe Vieira deixou o Benfica em 4º lugar depois de despedir o treinador com que planeou toda uma época, porque, imagine-se, Fernando Santos consentiu um empate com o Leixões na primeira jornada. "Desfocar a realidade conhecida de todos", pois.

Que Luís Filipe Vieira apareça como o paladino da transparência e da ética no futebol é uma ideia capaz de fazer mais pelos meus abdominais que qualquer abtronic, mas tudo bem, está no direito de achar que o Porto deve ser punido. Agora, que apareça a perorar sobre a justeza de um processo da UEFA em que o Benfica é parte interessada é algo que lhe fica menos bem (repare-se no meu cuidado com os qualificativos, este blog pretende-se como a casa de todas as nações). Primeiro, porque só graças às conquistas europeias do Porto é que o terceiro (neste caso o ) classificado do campeonato português se pode apurar para a pré-eliminatória da Champions . Segundo, pelo papel triste em que coloca os benfiquistas compreensivelmente esperançados num apuramento na secretaria. Até as hienas sabem que quando o cadáver é quase certo mais vale esperar calmamente pela consumação, na sombra de uma árvore.



<< Home