SMS

Tenho vários amigos sportinguistas e habituei-me a ter com eles uma atitude de "recato aristocrático" perante as vitórias do Porto, muitas vezes assistidas lado a lado. No dia da taça um desses ilustres mandou-me uma sms a raiar o insulto. De facto, a euforia desmedida de alguns sportinguistas que por aí vou lendo (que até se compreende), tão facilmente transladada em arrogância histérica, fez-me perceber o quanto o hábito de ganhar nos ensina a "saber ganhar". E como o inverso também se aplica.



<< Home