Padrões suicidas

Francisco, há dois denominadores comuns. O coração transplantado e a esposa. Culturalista como sou, aposto na esposa.



<< Home