Da utopia ao despertador

"Os amanhãs que cantam".
Quando ouço esta expressão o meu vagão emocional é detido pela ansiedade: que álbum rodará amanhã cedo na aparelhagem do vizinho?



<< Home