Solipsismo/mp3/responsabilidade pública

Mala quase feita. Escolho os álbuns que levo no leitor de mp3 com um ostensivo excesso de zelo. Quando cozinho só para mim sou menos cuidadoso... -- esqueçam, a analogia é péssima.
A verdade é que me falta a educação tecnológica para incorporar esta coisa prosaica: uma vez fora de casa, a música com ligação directa aos ouvidos não contamina a soundscape pública, apenas a minha. É uma tristeza. Ou porque adulterei o idealismo de Berkeley, ou porque o funcionamento dos phones ainda me é um colossal mistério, aqui estou eu a queimar as poucas horas de sono pateticamente armado em dj da urbe.

Comments:

Enviar um comentário

Comentários



<< Home