Jogos de influência

Daniel M.: " Mas o que fez desse encontro de futebol - digamos assim - um episódio histórico foi o seguinte acontecimento, decorria o minuto setenta e pico de jogo. Depois de uma falta assinalada junto à grande área do Red Star, um dos nossos defesas, visivelmente irritado com a decisão do árbitro, aproxima-se deste e profere a magnífica frase - nunca antes escutada em nenhum relvado de aquém e além mar - e que aqui reproduzo:
«I didn't touch him, believe me, I'm a lawyer.». Assim mesmo. Na Sportmans Sunday League este episódio tem o mesmo peso simbólico, arredondando às décimas, que a cabeçada do Zidane no peito do Materazzi."

Mais trágico do que invocar a profissão em vão é desconhecer o capital de confiança social que ela detém. Os homens do apito também têm preconceitos e quase adivinho expulsão -- por palavras ao árbitro, claro.



<< Home