Da compulsão

O verdadeiro alcoólatra não bebe para aliviar problemas ou a angústia que sente; ao invés, embora muitas vezes inconscientemente, ele próprio cria esses dilemas para justificar a bebida (Robert Murphy, The Body Silent).
De repente fez-se-me luz sobre uma pletora de compulsões.



<< Home