Sarkozy, Maio de 2007

Os franceses elegeram o seu novo Presidente da República. A avaliar pela comoção na direita pátria os franceses só pecam por defeito: exultam sem preocupações de transcendência. Lourdes aparte, logo se percebe que os franceses têm falta de olho para as aparições. Sorte que temos os «'liberais' portugueses», um Messias não lhes escapa com facilidade.



<< Home