Enfim

Diz Helena Matos no público:
"Em Espanha, onde o anti-semitismo e o antiamericanismo atingem proporções delirantes..."

Colocar estes dos anti's, lado a lado, na mesma frase, como se esses conceitos fossem equivalentes ou neles houvesse alguma "semelhança de família", só pode revelar baixa demogagia ou uma profunda ignorância acerca do significado de anti-semitismo. Estas acusações levianas de anti-semitismo são do mais triste que o presente debate tem proporcionado (e bem sei que há aí muito argumento rasteiro à esquerda). Espanha acometida por um anti-semitismo delirante porque Zapatero tomou uma posição contrária ao Estado Isaraelita? Mas está tudo doido?



<< Home