Luandino Vieira: o prémio como estigma

O Europeu e o Americano do Norte julgam que tem de ser bom um livro que mereceu um prémio qualquer, o Argentino admite a possibilidade de não ser mau, apesar do prémio.

Borges



<< Home