Snipers da Bloga

Confesso uma certa incomodidade perante pessoas que nada fazendo pela visibilidade e vitalidade do blog colectivo a que pertencem apenas nele escrevem quando tal interessa à defesa táctica de interesses pessoais ou políticos. Pessoas que tomam partido da audiência garantida pelo labor de comparsa(s) de blog para emergirem fugazmente, por exemplo, nas vésperas eleitorais (neste particular avultam-se-me umas legislativas no ido Barnabé) ou então para rebaterem algum ataque à dama lá de casa (normalmente o nome ou a obra). Não há aqui pretensões éticas. Tampouco me dou ao desplante de julgar "editoriais" alheios. Trata-se apenas a reflexão de um leitor sobre coisas que de ora em ora lhe causam espécie nos lugares que gosta.



<< Home