Rituais estranhos

Nos próximos dias, em jeito de folhetim, vou respondendo ao repto do faroleiro Pedro Farinha para revelar 5 hábitos estranhos que me acometem os dias. 1,2,3, Começo:

1- Quando o dia me desconsola para além do admissível calço umas sapatilhas e vou correr de madrugada pelas ruas de coimbra*. (Nestas minhas corridas por ruas devolutas visito e crio esses lugares de que o Luís falava: os lugares do choro proibido).

*O termo seria
jogging, mas estas corridas, honra lhes seja feita, pouco devem a esse conceito que define o ritual burguês de fuga à engorda do quotidiano de classe média/alta.



<< Home