Com a bênção do novo papa 400 mil jovens de todas as nações estão reunidos nas jornadas mundiais da juventude. Assim à distância, é de supor que a organização não tenha tido a preocupação de distribuir preservativos -- mais facilmente o Manuel Alegre conseguia assinaturas para se candidatar à Presidência de República. O fenómeno da fé cristã não me perturba, pelo contrário, até porque, devidamente despida da ganga conservadora e institucional, a acarinho na minha subjectividade. Já a fé na castidade de 400 mil jovens católicos, amotinados em êxtase, nuns poucos quilómetros quadrados, é algo que está para lá da minha sensibilidade transcendental. É uma forma de fé que só está ao alcance da hierarquia católica, dirão, justamente, os seus acólitos.



<< Home