1929-2004


Não creio que o evento da morte nos obrigue a idealizar as vidas dos que partiram. Mas um símbolo de uma causa é sempre mais do que um homem, e é esse desígnio que aqui evoco. A causa de um povo humilhado. Oxalá os palestinanos vejam depressa a sua terra prometida.



<< Home