Idas e voltas

Assina a Petição aqui
Sentado num cais à espera de um barco. Assim passei o meu fim de tarde. Chegou com histórias de alto mar (12 milhas). Os jornalistas acotovelavam-se. Falta muito? Inquiriam. A lua estava linda.

Sempre à espera. Daqui a dois anos muda, dizem. Triste país heroicamente "defendido" por alguém que recebeu pelos anos um Estado para brincar. Esperava-se. Com a vinda da Women on Waves seria grande a nossa vergonha perante a Europa. A vergonha foi inflacionada com uma decisão que poderá ser um tremendo tiro no pé, além de representar a primera fractura séria na coligação governamental. Depois das guerras preventivas vêm as não-viagens preventivas. A lei internacional? Há que atalhar. Não era suposto a democracia prevenir o despotismo? Ah, Bruno. Naíve. Como dizia uma deixa lindíssima de um filme, só podemos recuperar a dignidade onde a perdemos. Portugal precisa urgentemente de recuperar a dignidade onde a perdeu. Na sua democracia.

Já que falamos de democracia. Há tantas vozes por ouvir! Por exemplo, a das mulheres desesperadas que não param de telefonar para a linha aberta da WW. Eu queria lembrar que a lua estava linda.



<< Home