Somos todos gregos

Em conversa, contava eu as minhas dúvidas acerca do melhor espaço para ir ver o Portugal-Grécia daqui a uma semana. Não sei por que carga de água, alguém me sugeriu a embaixada da Grécia no Porto ou a Casa do FCP em Atenas. Por estes dias é perigoso uma pessoa afirmar-se como pós-nacionalista desprezando as fronteiras e as bandeiras que agora se compram no Continente. Provocativo mesmo seria invocar as nossas raízes, glosando Sócrates: "eu não sou ateniense nem grego, mas cidadão do mundo". Se vou torcer por Portugal? Não por servidão ao BI.



<< Home