O caso Avelino Ferreira Torres faz a ponte entre a desobdiência civíl e a problemática da inimputabilidade. Alguns estudiosos defendem uma estreita ligação entre o sexo oral e a higiene íntima. Num caso e no outro o Estado abstém-se de opinar.



<< Home