Os lábios da Anabela

Lavei os dentes e sentei-me no escritório - onde também durmo, leio, vejo televisão e como as refeições menores. Há quem lhe chame quarto. Antes de ligar o computador onde Word sempre me espera impaciente decidi fazer um Zapping. O comando ia andando, "mas que...não posso crer..." Restringi o Zapping a uma movimento pendular entre a 2 e a TVI. Não queria acreditar. "Como é que é possível...?" Dediquei-me a um comparativo insólito. Na TVI dava o programa da tarde do carlos Ribeiro: "A vida é Bela". Na dois dava a repetição do Magazine, o tal que é apresentado pela Anabela Mota Ribeiro (não sei se ponha o link). Reparei neste pormenor que me deixou estupefacto:

Na TVI, uma televisão privada, num programa popular, existe uma intérprete de linguagem gestual (e muito bem). No Magazine, uma televisão pública, num programa cultural, quem é surdo acompanha os lábios da locutora, se quiser. Será para isso o baton carregado? Sinceramente, há zappings que me partem todo! Será que niguém se indigna?



<< Home