O tarzan na versão terno e gravata

O debate do Orçamento de Estado passou. Muito se falou de contenção de despesas e do défice, o que me surpreendeu foi o despudorado silêncio perante a questão da evasão fiscal. Será que uma atitude condescendente em relação à evasão fiscal toma parte da lógica de incentivo ao investimento privado? Este é o subtexto que fica.



<< Home